Carregando

Aguarde...

A chegada inédita da Essência Pegasus

Permite analisarmos qualquer situação de um ponto de vista mais elevado e de entender o aprendizado que traz. Eleva o trivial, mundano e dramático para uma experiência de transformação pessoal e entendimento espiritual.

HISTÓRIA DA ESSÊNCIA

O aviso

Há mais de doís anos esperávamos pela chegada de Pegasus, pois, num dos Rituais da Prosperidade no antigo Dragon Center, ele avisou que viria. Em fevereiro de 2016, estávamos caminhando por uma floresta no sul da França, quando ao pararmos para observar a paisagem de uma clareira, uma forte presença (sensação) chamou nossa atenção. Qual não foi nossa surpresa ao saber que era Pegasus, para avisar que nos preparássemos, pois ele chegaria em breve. Saberiamos mais detalhes dentro de algumas semanas. Pedi então que ele posasse para uma foto (a direita) para registrar o momento da comunicação. Observe que quase no centro para a esquerda, você pode ver o olho, mas o focinho não coube inteiro na foto. Percebam o chifre no terceiro olho, pois Pegasus, soubemos depois, é o líder dos Unicórnios e de muitos animais do plano Terrestre.

Vasilha com água? Não.

Três semanas depois Pegasus passou os preparativos para recebê-lo. Ao contrário de outras essências, ele não quis sua vibração misturada com água, brandy (conhaque), cachaça ou vodka. Pediu whisky (!). Sem entender do assunto, fomos as compras e ele escolheu uma marca em especial. Depois descobrimos porquê. No rotulo da garrafa escolhida por ele, dizia que 1/3 do liquido produzido (whisky) desaparecia no éter antes do engarrafamento e era um presente para os anjos (!).

Num momento do vôo de maior altitude cruzeiro, no meio do Oceano Atlântico entre a África e as Américas, fomos acordadas por Pegasus avisando que estava na hora. Dentro do avião, as pessoas dormiam e as luzes estavam apagadas. Com grande suave ele sobrevoou o avião e direcionou a sua energia para a pequena garrafa com whisky. Pairou por mais meia hora estabilizando a energia até ficar satisfeito com o resultado. Depois, agradecido (e nós mais ainda!)ele se foi. Sabemos agora que sua morada espiritual é no cosmos em volta da Terra. Ele nunca desce ao nosso planeta. Por isso subimos para colher a sua essência.